A nova variedade, denominada “Cultivar de Açaí BRS Pai d’Égua”, garante extrema qualidade e alta produtividade do cultivo

Uma nova forma de cultivar açaí vai atender uma demanda antiga dos produtores rurais de Santarém: produção o ano inteiro, sem entressafra. 

Para isso, mais de 18 mil da “Cultivar de Açaí BRS Pai d’Égua”, estão sendo preparadas por técnicos da Prefeitura, na estufa do Parque da Cidade, para estimular a agricultura familiar, gerando emprego e renda de maneira sustentável.O projeto contemplará ainda produtores de Mojuí dos Campos e Belterra.

Precocidade, extrema qualidade, alta produtividade e rendimento. Essas são as principais vantagens da variedade do fruto, descoberta por pesquisa da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Amazônia Oriental), em 2019. A nova variedade, diferentemente do fruto tradicional, é irrigada em terra firme.

O Chefe de Seção de Assistência Técnica do Ciprof, Paulo Costa, relata que a nova planta produz frutos menores, o que facilita o processamento. Além disso, produz frutos na entressafra, e consequentemente, traz mais retorno para quem planta e quem comercializa o açaí. 

“Esta nova variedade vai atender às principais demandas dessa cadeia produtiva em nossa região, que é a produção na entressafra e frutos menores, que facilitam o processamento e rendem mais, características que agradam ao produtor e ao mercado. Ou seja, trata-se de uma forte vantagem para o pequeno produtor, pois a redução da oferta de açaí na entressafra faz o seu preço aumentar, além de provocar demanda reprimida nesse período”, explicou o técnico.

Em Santarém, a ação está sendo colocada em prática por meio de uma parceria entre Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca (Semap) e Coordenadoria de Incentivo à Produção Familiar (Ciprof) com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap).

O Secretário da Semap, Bruno Costa, ressaltou a importância da parceria harmoniosa com a Sedap e comentou sobre o projeto que vai alavancar a produção de açaí em Santarém.

“O açaí é um dos produtos da agricultura paraense que mais cresce atualmente, e que tem um espaço muito grande de mercado. A demanda pelo produto é crescente, e Santarém é um dos municípios onde o cultivo tem grandes chances de ser incrementado. Fortalecer a produção rural e dar suporte para os agricultores da região é um compromisso da gestão de nosso prefeito Nélio Aguiar”, argumentou Costa.

Ao longo deste ano, vários produtores serão beneficiados com esta benfeitoria. Além disso, serão contemplados ainda com assistência técnica e mecanização da área a ser plantada.

Sobre a cultivar

A “BRS Pai d’Égua” é resultado da pesquisa, com melhoramento genético, do açaizeiro, que apresenta duas características principais: produção na entressafra e frutos menores. Durante cinco safras, a pesquisa avaliou centenas de materiais de açaízeiro, no campo experimental da Embrapa Amazônia Oriental em Tomé-Açu, no Nordeste Paraense.

Os principais diferenciais da “cultivar” são; a redução da sazonalidade, com uma distribuição bem equilibrada da produção anual, produz 46% no período da entressafra (de janeiro a junho) e 54% na safra (de julho a dezembro); o maior rendimento da polpa, já que os frutos menores, rendem 30% mais que os tradicionais; a produção precoce, já que tem a primeira colheita aos três anos e meio, contraponto os materiais tradicionais que iniciam no quinto ano.

Fonte: Agência Santarém.

Similar Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.