Em razão do inverno amazônico, a Semap atua com um cronograma de trabalho específico

Durante o período chuvoso, a zona rural é a região que mais sofre. As estradas vicinais que ligam as comunidades rurais são castigadas, principalmente onde o solo é de barro, o que potencializa a erosão. 

Para evitar problemas no deslocamento de pessoas e transporte de produtos, a Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca (Semap), tem deslocado equipes para realizar serviços nos pontos mais críticos.

s6JOldgMe5nzVdJSJsFxeZxFuajcwiNVqXFiLNes.jpg

Legenda da foto: Diversas frentes foram montadas para atender as comunidades. 


Atualmente uma frente opera na vicinal que dá acesso à Comunidade Carapanari, região do Eixo Forte. Nesta quarta-feira (9), a equipe da Semap realizou serviços de instalações de manilhas em um trecho da via que merecia mais atenção. 

O trabalho vai permitir o escoamento de águas pluviais, melhorando assim as condições da estrada, além de facilitar o trânsito de veículos.

De acordo com o titular da pasta, Bruno Costa, por causa do inverno amazônico um cronograma específico foi planejado pela Divisão de Terraplenagem para que todas as comunidades, em situação crítica, sejam contempladas com os serviços.

“Trabalhamos de forma intensa durante o verão e estamos efetuando serviços de emergência durante o inverno para garantir que a população possa ir e vir sem contratempo. É importante frisar que tivemos chuvas além do normal em nossa região, o que comprometeu todo o cronograma de trabalho que fora elaborado. No entanto, o nosso prefeito tem nos cobrado bastante o compromisso de resolver os transtornos, que são inevitáveis nesse período do ano, devido às fortes e frequentes chuvas que caem no município”, explicou Costa.

Similar Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.