Escola Dom Floriano foi reformada, ampliada e em breve receberá um ginásio cujas obras já foram iniciadas.

Legenda da foto: Abertura oficial do ano letivo 2022

O prefeito de Santarém Nélio Aguiar acompanhado da secretária de Educação Maria José Maia da Silva abriu oficialmente na manhã de hoje, 15, o ano letivo 2022 nas escolas e Unidades de Educação Infantil (Umei) da rede municipal de ensino e na oportunidade entregou a reforma e ampliação da Escola Dom Floriano, bairro Maracanã. Participaram da solenidade os vereadores Erasmo Maia e Elielton Lira, os secretários de governo Emir Aguiar e Ezequiel Aquino e o chefe de gabinete Alberto Portela.

O ano letivo 2022 iniciou nesta terça-feira e tem previsão de encerramento para 23 de dezembro. A data e as diretrizes (com validade até o fim do primeiro bimestre desse ano) foram definidas pela Semed em comum acordo com o Comitê Intersetorial de retomada.

A secretária de Educação Maria José Maia confirmou o modelo a ser seguido pelos gestores nesse primeiro bimestre.

Legenda da foto: Titular da Semed Maria José Maia 

“Nós estamos muito felizes com a abertura do ano letivo 2022, ainda em período pandêmico e, por isso, vamos conduzir esse primeiro bimestre da mesma forma que encerramos o ano letivo 2021, de forma escalonada. Dependendo do número de alunos por turma será parte presencial e parte remota, fazendo o rodízio pra termos a possibilidade de atender todas as nossas crianças. Esperamos que ao longo desses 200 dias letivos nós possamos alcançar nosso principal objetivo que é a aprendizagem dos nossos alunos”, disse a gestora da pasta da educação.

O retorno das atividades letivas das escolas e Umeis foi definido pela Semed e Comitê Intersetorial segundo as principais definições:  

1. Com protocolo rígido de limpeza e higienização das escolas e distanciamento físico.

2. Com planejamento para o ensino Híbrido: Retomada gradual das aulas, reduzindo o número de alunos em sala, dividindo em grupos que se revezarão em atividades presenciais e não presenciais;

3. Redução de número de alunos por turmas, quando necessário;

4. Facultado: nenhum aluno será obrigado a retornar à rotina de aulas presenciais.

Quanto ao número de alunos:

1. Turmas com até 15 alunos: retorno completo de todos os alunos (ensino presencial e não presencial – com uso de estudos dirigidos)

2. Turmas com mais de 15 alunos: Divisão da turma em dois grupos (ensino presencial e não presencial – com uso de estudos dirigidos)

Educação Infantil (Berçário ao Pré II):

1. Para turmas divididas parciais: Cada grupo terá uma semana de atividades presenciais e outra semana de atividades não presenciais.

2. Turmas divididas integrais: Um grupo pela manhã e o outro grupo a tarde.

Anos Iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano):

1. Para as turmas divididas: aulas para cada grupo 2 dias na semana alternados ou consecutivos de segunda a quinta-feira. Às Sextas-feiras serão dedicadas aos alunos com necessidade de reforço escolar independente do grupo de atividades.

Anos Finais do Ensino Fundamental (6º ao 9º ano):

1. Para turmas divididas: Cada grupo terá uma semana de aulas presenciais e outra semana de aulas não presenciais.

Reforma e ampliação da escola Dom Floriano

A escola foi fundada em 20 de abril de 1975 e está localizada na rua Maracanã, no bairro de mesmo nome. Foi reformada, ampliada e entregue hoje pelo prefeito Nélio Aguiar.

A unidade escolar atende 448 alunos nos turnos da manhã e tarde, com turmas de Educação Infantil (4 e 5 anos) e do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental além do programa do Acelera Brasil.

O educandário, que esse ano completa 47 anos de fundação, recebeu ampliação de bloco com mais três salas de aula, adaptação de bloco de serviço e bloco administrativo e reforma geral. Para isso, foram aplicados R$ 754.756,99 (Setecentos e cinquenta e quatro mil, setecentos e cinquenta e seis reais e noventa e nove centavos), com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento de Educação Básica (Fundeb).

Para a gestora da escola, Irenice Correa Amaral, o momento é de felicidade.

“Nós estamos muito felizes e gratos à Deus por tudo isso. Agradecemos a todos os parceiros, as lideranças do bairro, a Semed e ao governo Nélio. A nossa felicidade é imensa com uma escola nova, renovada, revitalizada para atender o nosso aluno que precisa dessa estrutura digna para uma boa educação, uma educação de qualidade já que Dom Floriano é referência escolar para o bairro Maracanã”, salientou a diretora.

O prefeito Nélio Aguiar comentou sobre mais esta entrega de reforma e ampliação de escolas em Santarém. “Existe uma escola (Dom Floriano) antes e outra depois do prefeito Nélio, eu digo isso sem nenhuma vaidade porque é isso que nós queremos: garantir qualidade de ensino, garantir dignidade às nossas crianças. Essa escola tá totalmente reformada e ampliada. Construímos um novo bloco  de salas de aula para atender 448 alunos, todos dentro da sala de aula, com carteiras novas. A educação é um conjunto e é dessa forma que nós vamos continuar governando Santarém.”

A escola Dom Floriano também irá ganhar ginásio com vestiário. As obras, no valor de R$ 1.394.199,70 já iniciaram e devem ser concluídas até julho deste ano.

O gestor do executivo municipal também comentou sobre o ginásio e outras obras entregues pela gestão na grande área Santarenzinho/Maracanã.

“A escola tá ganhando outro espaço que é muito importante para a educação física. Já iniciamos a obra, já começamos a construção do ginásio poliesportivo. É um conjunto de investimentos que nós estamos fazendo transformando a educação em Santarém. Só na grande Maracanã nós já temos as escolas Delano Riker, Fernando Guilhon, Eilah Gentil e agora Dom Floriano. Tem ainda a Ubaldo Correa em processo de reforma, ou seja, são grandes investimentos que nós estamos fazendo na educação do nosso município”.

Fonte: Agência Santarém.

Similar Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.